Posts Marcados Rio de Janeiro

GREEN NATION FEST

“Sustentabilidade para ver, ouvir e sentir”

Meio ambiente, sustentabilidade, novas mídias, educação – é inegável que estas têm sido algumas das pautas mais discutidas no país nas últimas semanas.

Após a mobilização popular em diversas cidades brasileiras pelo veto presidencial ao novo Código Florestal – que, infelizmente, só ocorreu parcialmente – , agora o assunto é a Rio+20, evento que reunirá governantes de países-membros das Nações Unidas que irão discutir a questão ambiental hoje e renovar o compromisso político com o desenvolvimento sustentável.

Image

Image

Entre todos estes acontecimentos está o Green Nation Fest – Festival interativo e sensorial, sediado no Rio e com entrada gratuita, que tem como propósito estimular o público a agir, através de práticas cotidianas, por um mundo mais sustentável.

Desde o dia 31 de maio até 7 de junho, diversas atividades que propõem a interatividade tomam conta da Quinta da Boa Vista nesta primeira edição do festival realizado pelo Centro de Cultura, Informação e Meio Ambiente (CIMA), ONG que há mais de 20 anos desenvolve ações em parceria com instituições privadas, governamentais e multilaterais.

Image

Entre as atrações do festival estão a Competição e Mostra de Cinema e Novas Mídias, que incentiva a produção e a difusão de obras de diversas categorias (filmes, blogs, microblogs (twitter), fotos, cartuns, arquitetura), contribuindo para o engajamento social em questões fundamentais para a melhoria da condição de vida no planeta; Mostra Internacional de Longas e de Curtas (estes com obras selecionadas por festivais como o Animamundi e o francês FIFE e também produzidas por alunos da rede municipal de ensino da cidade do RJ); Feira interativa e sensorial, que propicia a simulação de situações extremas; Seminários sobre “Economia verde e criativa”, que contam com personalidades nacionais e internacionais do mundo acadêmico, cultural e corporativo, dscutindo alternaticas verdes aplicadas a Arquitetura, Design, Moda, Alimentação e às Novas Tecnologias; Quiz para os estudantes testarem seus conhecimentos sobre sustentabilidade; Exposição de cartuns; Aulão de yoga; e o Apadrinhamento de árvores.

Image

Este tipo de evento só evidencia ainda mais que as questões ambientais não vão – ainda bem! – deixar de ter relevância tão cedo.

Image

O caminho é esse mesmo: a conscientização coletiva para a valorização e preservação do que é nosso, em busca de condições de vida melhores para todos.

Image


Image

, , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Seleção da Mostra de Filmes Livre

A felicidade dos peixes – 24min X

O mar seria imenso para nós dois, mas neste aquário não te cabe, querida.

Direção: Arthur Fernandes Andrade Lins
Produção Executiva: Arthur Lins
Direção de Produção: Ana Bárbara RamosVivian Maitê
Roteiro: Arthur Lins
Fotografia: Bruno de Sales
Câmera: Bruno de Sales
Arte: Shiko e Gigabrow
Som: Guga S. Rocha
Edição: Arthur Lins e Sarayna Martins
Elenco: Humberto Lopes e Liuba de Medeiros

Cashman – 10min

“…Um dia despertou e o mundo girava como uma caça-níqueis.”

Direção: Tiago Vianna, Mariana Miranda, Gustavo Berocan
Produção Executiva: Tiago Vianna, Mariana Miranda, Gustavo Berocan
Direção de Produção: Tiago Vianna, Mariana Miranda, Gustavo Berocan
Roteiro: Tiago Vianna, Mariana Miranda, Gustavo Berocan
Fotografia: Tiago Vianna
Câmera: Tiago Vianna
Arte: Tiago Vianna, Mariana Miranda, Gustavo Berocan
Edição: Tiago Vianna
Elenco: Gustavo Berocan


CELLPHONE – 15min

Celulares aos milhares, aos milhões. Aparelhos, linhas, operadoras, números, usuários. Nem a cidade nem o homem são capazes de viver sem suas próteses comunicacionais. Cellphone é uma intervenção no universo das ondas telefônicas invisíveis. Adentrando essas frequências, aproveitando sua vulnerabilidade, criamos outros sentidos, outras narrativas, um lugar ficcional, performático, inserido na comunicação cotidiana.

Direção: Daniel Lisboa
Produção Executiva: MAURICIO FONTOURA
Direção de Produção: DANIEL LISBOA
Roteiro: DANIEL LISBOA
Fotografia: FABIO ROCHA
Câmera: FABIO ROCHA
Som: NAPOLEÃO CUNHA
Edição: CAETANO TRAVASSO
Elenco: Márcio Ciolo, Jorge Oliveira, Nilson Rocha, Paula Lice

 

Eva na Primavera – 15min

Eva tem 18 anos e mora no Brasil desde os 2 anos de idade. Seu pai acaboude cometer suicídio. Como último desejo, pediu para sua filha partir em uma viagem para conhecer Nova Iorque, cidade onde ela nasceu. Lá, Eva vai buscar sua identidade.

Direção: Luiz Fernando Azevedo
Produção Executiva: Produtora Pessoas do Século Passado
Direção de Produção: Dodô Azevedo Maria Laura Cravo Vitor Leite
Roteiro: Dodô Azevedo
Fotografia: Dodô Azevedo
Câmera: Dodô Azevedo
Arte: Dodô Azevedo
Som: Dodô Azevedo
Edição: Vitor Leite
Elenco: Maria Laura Cravo 

Iaia et Leni – 3min

A hora do chá numa tarde de sol

Direção: Eugenia Castello
Produção Executiva: Eugenia Castello
Roteiro: Eugenia Castello
Fotografia: Fábio Allon
Câmera: Eugenia Castello
Arte: Eugenia Castello
Edição: Feito em tomada única
Elenco: Malu & Luma

Ovos de Dinossauro na Sala de Estar – 12min

A alemã Ragnhild Borgomanero, de 77 anos, estudou fotografia digital e fez cursos de Photoshop e Premiere para manter viva a memória de seu falecido esposo, Guido, com quem reuniu a maior coleção particular de fósseis da América Latina.

Direção: Rafael Urban
Produção Executiva: Ana Paula Málaga e Rafael Urban
Roteiro: Rafael Urban
Fotografia: Eduardo Baggio
Arte: Maria Andrade
Som: Robertinho de Oliveira
Edição: Ana Lesnovski
Elenco: Ragnhild Borgomanero

Magnífica Desolação – 19min

A MÁQUINA, O HOMEM E A VIAGEM. Impressões sobre o cotidiano dos maquinistas de trem de carga no Brasil.

Direção: Fernando Coimbra
Produção Executiva: Caio Gullane e Sônia Hamburger
Direção de Produção: Produtores: Caio Gullane, Fabiano Gullane, Fernando CoimbraCoprodutores: Debora Ivanov e Gabriel Lacerda
Roteiro: Fernando Coimbra
Fotografia: Fernando Coimbra
Câmera: Fernando Coimbr
Som: Juliano Zoppi
Edição: Eva Randolph

, , , , , , , , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Meio ambiente batendo na porta: Rio +20!

Falar hoje sobre desenvolvimento sustentável está perto de virar clichê. Teoricamente, pelo menos, todos sabemos que é preciso conciliar o desenvolvimento de nossas economias capitalistas com aquilo que o planeta é capaz de oferecer. Apesar de natural, essa ideia por muito tempo não esteve presente no pensamento humano e só se fixou oficialmente como pauta prioritária em 1987.

O primeiro passo para a criação de uma consciência global em prol da proteção dos recursos naturais veio com a Conferência de Estocolmo, em 1972. No entanto, essa luta foi ganhar força maior somente em 1992, ano de realização da famosa Rio-92. Ali, delegados de 172 países e 108 chefes de Estado, além de 10 mil jornalistas e representantes de 1.400 ONGs, se reuniram para discutir sobre o assunto e conferir ao mesmo seu devido destaque no quadro internacional.

Dez anos depois, a ONU promovia um novo encontro: a Rio +10, dessa vez na África do Sul, a fim de consolidar os compromissos já assumidos anteriormente.  Agora, o plano da vez é (adivinhem!) a Rio +20, sediada mais uma vez na cidade maravilhosa.

O encontro promete: ele definirá as políticas ambientais dos países participantes para os próximo 20 anos, renovando o compromisso com o desenvolvimento sustentável e aproximando os projetos para uma realidade que modifica-se cada vez mais intensa e rapidamente. Marcando presença entre 13 a 22 de junho de 2012, o encontro será dividido em 3 momentos: a III Reunião do Comitê Preparatório, a programação de eventos com a sociedade civil e, por fim, o Segmento de Alto Nível da Conferência.

O mais importante é ter consciência do valor simbólico que a cidade do Rio de Janeiro traz para o evento: toda a energia e as lembranças de uma Rio-92 bem sucedida fazem dali o lugar ideal para novas ações e projetos ambientais. Além disso, a população civil também terá sua voz através da Comissão Nacional, que elegeu cerca de 40 membros provenientes de diversos estratos político-sociais. Por fim, é importante ressaltar o próprio destaque que o país assumirá, uma vez que será o Presidente da Conferência.

Fica a dica de aproveitarmos o embalo e entrarmos nessa onda verde que agitará as praias cariocas. Afinal, coletivizar a arte é também proteger o planeta, a maior obra-prima de todos os tempos.

, , , , , , , ,

Deixe um comentário

Música Sem Paredes: Stúdio RJ apresenta o Baile do Silva

Nesta quarta-feira, dia 07 de março, o mês começa com força total na noite do Rio de Janeiro. Depois de uma apresentação incrível e cativante com o Di Melo no Grito Rock Juiz de Fora, o Silva Soul segue até a cidade maravilhosa para esbanjar muito suingue na orla carioca.

A partir das 21 horas, o Stúdio RJ no posto 8 de Ipanema vai ter a trilha do Soul como motivação e razão de ser. Além da apresentação dessa banda juizforana, a noite conta ainda com DJ Sir Dema também se apresenta.

Como não pode faltar em um baile, a dança comporá parte dessa noite com os bailarinos do Remiw Street Crew, o PC Capoeira e Bala Machine se integram as atrações dessa primeira ocupação de março do espaço.

Não esqueça de confirmar presença no evento: Baile do Silva no Rio de Janeiro. Acompanhe a página do Silva Soul no facebook e o Coletivo Sem Paredes (@semparedesjf e facebook) para manter-se informado.

, , , , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário