Tá na hora de falar de Mídias! Mídias Livres: Oficina de Midialivrismo

Midialivrismo, essa é a palavra que orienta e entende a realidade na qual hoje encontra-se a comunicação. Não há porque haver senhores do conteúdo, não existe razão para que tenhamos um cerne de informações que são escolhidas e definidas por outras pessoas: é o momento de produzir, procurar e entender conhecimento como algo subjetivo, capaz de dialogar com cada pessoa e com todo o mundo, simultâneamente.

Pensando nisso, a Oficina de Midialivrismo vem com a força das mídias livres, com o interesse e objetivo principal de desenvolver, em cada participante, a consciência de si enquanto cidadão multimídia, enquanto produtor e sujeito capaz de distribuir conteúdo. Unindo as possibilidades das ferramentas que temos às mãos com a amplitude da internet, temos potencialidades mil a serem desenvolvidas por cada pessoa em termos de imagens, redação, áudios e todas as mídas.

“É pela grande facilidade de produzir conteúdo que a Oficina de Midialivrismo torna-se uma experiência única. Ter consciência do que consome vai muito além de estar ligado no que acontece ao seu redor, é saber que além de receptor você é um produtor em potencial.

Lá na Oficina, encontrei pessoas incríveis que me ajudaram e auxiliaram nesse processo. A chave é essa.

Encontrar meios certos para poder usar a comunicação a favor de um todo.

Participar de algo grande como o Grito Rock, além de super gratificante, foi lindo. Por isso, que eu diria que além de uma experiência fantástica, é algo que você não deve perder.”

Esse é o relato de Louise Vianello sobre sua experiência da Oficina que ocorreu durante o Grito Rock Juiz de Fora, a edição do maior Festival integrado do mundo na cidade.

A Oficina de Midialivrismo na calourada do DCE comporá a cobertura colaborativa do evento, incluindo mesas e a cobertura de shows. O início das atividades será no dia 22 de março, quinta-feira que inaugura a Oficina. Para participar, basta fazer inscrição através deste formulário. Mantenha-se informado através das redes sociais do Coletivo Sem Paredes (facebook e twitter).

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: